Turismo marca presença, apresenta roteiros e atrativos turísticos na Expo Indústria Maranhão 

O turismo, uma das cadeias produtivas mais importantes dentro do cenário econômico maranhense, marcou presença na 4ª edição da Expo Indústria Maranhão, maior feira multissetorial do Nordeste. Com estandes para a exposição de artesanatos, comidas típicas e divulgação de material promocional dos principais destinos polos turísticos maranhenses empresários do setor hoteleiro e do turismo estiveram de 26 a 29 de maio, no Multicenter Negócios e Eventos, por onde circularam cerca de 25 mil visitantes.

No espaço de 110 metros quadrados, denominado “Pavilhão do Turismo”, o público recebeu informações sobre todo potencial e roteiros de turismo no Maranhão. Além disso, espaços de vivências e vídeos foram exibidos demonstrando as belezas únicas de cada polo. As peças artesanais também estiveram em destaque e foram expostas em vitrines de vidro espalhadas pelo pavilhão.

“Estar numa feira como essa que retrata a grandeza do setor econômico do nosso Estado e reúne as potencialidades é algo maravilhoso. Foram quatro dias enriquecedores em que pudemos apresentar as belezas maranhenses”, conta a representante do polo da Chapada das Mesas, Rejane Cunha.

 

A chapada das Mesas, os Lençóis Maranhenses, o Delta das Américas, a Serra dos Guajajaras, Timbira e Canela, a região dos Cocais, onde está presente as cachoeiras pouco exploradas na região de Fortaleza dos Nogueiras, na região sul do Estado, entre outras, estiveram em evidência e chamaram a atenção do público presente.

O promotor de merchandising, Lucas Duarte, diz que o contato com povo indígena e a oportunidade de conhecer roteiros turístico foi super válido. “Fui atraído pela pintura indígena, mas eu estou maravilhado com as potencialidades, ainda não tive a oportunidade de visitar a Chapada das Mesas, e daqui saí com muitas informações a respeito”, ressalta.

A presença do segmento foi evidenciada ainda por meio das apresentações culturais, oficinas e palestras voltadas para o segmento. Nos quatro dias da feira, foram discutidas sobre o cenário do turismo no Brasil e no Mundo, apresentações de polos turísticos, programas de artesanatos e palestra sobre a cozinha voltada para segmento. No espaço houve ainda demonstração de artesanato com miçangas e pintura corporal pelo povo indígena Guajajara.

Segundo o Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), o Maranhão possui 10 polos turísticos, com 53 municípios cadastrados, cada um com seu potencial e grau de representatividade para o turismo. E todas essas potencialidades, foram apresentadas as agências de viagens de São Luís.